Com sistema de saúde amazonense em colapso, Renan Filho oferece leitos para tratamento da Covid-19

Com vagas escassas, Governo do Amazonas começa a enviar pacientes para outros estados


Por Redação


Em uma rede social, o Governador de Alagoas, Renan Filho (MDB) afirmou ter contatado o Governador do estado do Amazonas, Wilson Lima (PSC) oferecendo 35 leitos, sendo 10 de UTI e 25 Cínicos. A capital Manaus vive um colapso na rede de saúde, ficando sem oxigênio para oferecer aos pacientes. Motivo esse que obrigou o estado a realocar, seus pacientes em estados vizinhos ou os que detém leitos disponíveis.


Também em uma rede social, o Secretário de Saúde do Estado, Alexandre Ayres, reafirmou a disponibilidade dos leitos em contato telefônico com Secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus Campêlo. E encerrou a publicação escrevendo "O Brasil é um só e o povo alagoano é solidário por natureza".


Nas últimas 24 horas, Alagoas registrou 392 novos casos confirmados e 8 óbitos. 391 pessoas se recuperaram e ainda existem outros 300 casos suspeitos, segundo a SESAU.