Atletas do CSE sofrem golpe e perdem dinheiro para suposto "Presidente" do clube

O golpista pedia dinheiro ao atletas para pagar uma "taxa de inscrição" que o tricolor estaria cobrando para inscrever os atletas, nas competições. Em troca, oferecia contrato, hospedagem e alimentação.


Por: Silas Emanuel


Um homem, que até agora não foi identificado, está se passando pelo Presidente do CSE, José Barbosa, e cobrando dos jogadores o valor de R$ 1.500,00 para a inscrição na Copa Alagoas e no Alagoano. Em troca, eles teriam contrato assinado, moradia e refeição.


Até agora não se sabe, quantos jogadores caíram nesse golpe. Segundo a assessoria do clube, de certo, um jogador pagou o montante pedido pelo estelionatário.


O CSE, por sua vez, nega que tenha feito qualquer pedido financeiro aos atletas e emitiu uma nota oficial, em seu perfil, em uma rede social, além de ter lavrado, na Delegacia Virtual, um Boltem de Ocorrência. Este, de número 00006364/2021.


Nós tivemos acesso ao documento que mostrava o número que o suposto "Presidente" fala com as vítimas, além de informar que havia sido criado um perfil fake do CSE no Instagram.


"Fui supreendido, na tarde de hoje, com um atleta da Bahia que me ligou, informando que alguém tinha entrado em contato com ele, usando meu nome, o nome da instituição CSE, lhe cobrando uma taxa para inscrever ele na copa Alagoas e no Campeonato Alagoano.", disse José Barbosa ao Agreste Multimídia.



Nota do CSE, reproduzida na íntegra. Imagem: Reprodução/Cortesia ASCOM CSE



Cópia do Boletim de Ocorrência, na íntegra:

Boletim de Ocorrência - CSE
.pdf
Download PDF • 337KB