Alagoanas são campeãs mundiais, na Croácia, pelo Master Handball World Cup


Além do título mundial, equipe ainda foi bronze na categoria 30+


Por: Assessoria FAHd



Foto: Cortesia.

A equipe do ARUC/DF, clube que conta com três atletas alagoanas no Master Handball World Cup, na Croácia, foi o campeão da categoria 40+ e bronze na categoria 30+. As jogadoras Azulinas Andreia Bomfim, Claudia Virginia e Iracema Barboza, disputaram as duas categorias e cada uma conquistou duas medalhas.


Na final da categoria 40+, a ARUC enfrentou um clube da República Tcheca. Muito experiente, as equipes enfrentaram-se na fase classificatória e o jogo acabou empatado em 6 x 6. Já na final da competição, as brasileiras levaram a melhor e venceram a equipe Tcheca por 12 x 5.

Já na disputa do bronze, pela categoria 30+, as meninas enfrentaram as donas da casa: O ZADAR, da Croácia. Foi uma partida bem disputada, onde o detalhe foi o fator preponderante para a conquista da medalha. O placar final foi de 9 x 6 para a equipe brasileira.



Foto: Cortesia.

“Essa medalha de ouro foi uma conquista muito comemorada e suada também. Precisamos ter uma obediência tática muito grande. Nosso adversário era muito técnico e nossa treinadora, Rosangela Cosmo, nos cobrou demais esse respeito tático”, disse Claudia Virginia, Pivô Azulina.


Andreia ressaltou a importância dessa conquista para o Brasil e, principalmente, para Alagoas, alertando para a necessidade de investimento na modalidade: “A gente sabe que o investimento na área existe e pode ser melhorado, com o tempo. Conseguimos enxergar uma perspectiva de futuro, com equipes como o CSA, que já conseguem dispor de uma estrutura para os atletas”, comentou.


Ao retornarem pra casa, existem muitos planos que as meninas vão por em prática. Segundo a Claudia, é voltar aos treinos, porque em outubro já tem o Brazil Master Cup, onde irão disputar pelo ARUC e possivelmente levar mais atletas para jogar pela equipe do Distrito Federal.